Para ouvir a publicação clique no ícone abaixo

Se andardes nos meus estatutos, guardardes os meus mandamentos e os cumprirdes, então, eu vos darei as vossas chuvas a seu tempo; e a terra dará a sua messe, e a árvore do campo, o seu fruto (Levítico 26:3-4). 

Tudo ligado? 

O pessoal se preparava para montar o equipamento de som para o culto da noite. Tudo foi conectado e ligado à mesa de som. As caixas, os instrumentos e os microfones. Desde que tudo foi perfeitamente ligado, então é só alguém pegar o microfone ou tocar algum instrumento que o som irá fluir pelas caixas espalhadas estrategicamente. Não! Não funcionou! Quem montou, se esqueceu de ligar a mesa de som. Os fios e cabos estavam conectados, mas o botão on/off estava na posição off e, por isso não funcionou. 

Estava meditando sobre as bênçãos de Deus e as promessas da Palavra, quando essa analogia subiu à minha mente. Não raro vemos pessoas com tantos problemas. Gente que enfrenta situações difíceis no casamento, nas finanças e em outras áreas da vida. Eles estão na igreja, se declaram cristãos e servem a Deus. Mas, porque as coisas parecem não funcionar? Eles possuem as promessas de Deus e enfrentam tantas lutas que o desânimo, às vezes, bate à porta. O que está acontecendo? Não há para todos as mesmas respostas, mas sem dúvida, podemos fazer uma rápida avaliação da nossa conexão com o Senhor das Escrituras. Lembrando o exemplo acima, tudo está conectado? A fé, o amor, a perseverança, a oração? Falta alguma coisa? Fazendo uma busca podemos encontrar mais do que procuramos. O botão da obediência está ligado? Para aqueles que enfrentam problemas insolúveis no casamento, a obediência aos princípios da Palavra está funcionando? Quando transgredimos esses princípios, dá um curto-circuito nas relações. Aos que clamam por suas finanças, são obedientes quanto a semear no Reino? Para cada área da nossa vida, temos direção, orientação e promessas de bênçãos, mas é essencial estarmos conectados à obediência e com todos os cabos ligados nas devidas conexões, pois assim, o Deus que não pode mentir, cumprirá Sua promessa. 

Obediência 

O versículo de hoje aponta para as bênçãos de Deus, mas com condições estabelecidas para o povo. Note: “se andardes nos meus estatutos”, “se guardardes os meus mandamentos”, “se os cumprirdes”. Algum estudante da Bíblia poderia logo objetar dizendo que essas promessas eram destinadas ao povo de Israel. Certamente, mas o que quero destacar no texto é o princípio instituído: “Obediência!” 

Ao refletir sobre o assunto, conectei imediatamente o amor à obediência. A obediência não é imposta, mas é proposta, e aqueles que o fazem, o fazem por amor. Lembrei-me também do que disse Jesus em João 14.21: “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me manifestarei a ele.” Medite sobre essa promessa de Jesus e, para finalizar, pondere: “Quando Jesus encontrou a mãe chorando a morte de seu filho, Ele trouxe vida. Quando encontrou os enfermos, Ele trouxe saúde. Quando encontrou apenas cinco pães e dois peixes, Ele proveu para a multidão faminta. É sempre assim: ainda que problemas e dificuldades existam, eles podem ser usados por Deus para nos abençoar. Avalie a sua conexão com o Senhor. 

N’Ele que está sempre pronto para manifestar-Se, 

Pr. Natanael Goncalves