A Perspectiva da vida (Ler Filipenses 3.7-10) 

Mas o que, para mim, era lucro, isto considerei perda por causa de Cristo (Filipenses 3.7). 

Os sofrimentos pelos quais Paulo passou não o credenciava, segundo os padrões do mundo, a uma vida de sucesso. Aliás, os fariseus de sua época o consideravam como um verdadeiro fracasso e hoje, muita gente pensa que o cristão fiel e cheio de fé não sofre.  Imagino que numa conversa com o apóstolo, eu lhe faria algumas perguntas, mesmo sabendo quais seriam as suas respostas: “O que há em seu coração, Paulo? Você se queixa pelo que sofre e pelo que já sofreu e perdeu? Você faria tudo igual se pudesse voltar atrás? Quando você está só à noite, passa pela sua imaginação o que teria acontecido se você continuasse sendo um fariseu? Alguma vez você desejou ter um filho? Sente falta de um abraço carinhoso de uma esposa?” 

Imagino que Satanás, em algum momento, pode ter sussurrado aos seus ouvidos, sugerindo algo como: “sabes, Paulo? Antes você tinha tudo! Veja a vida daqueles que eram os seus companheiros, incluindo alguns supostos seguidores de Jesus. A vida deles, pode ser considerada abençoada e próspera. E você? Você não tem nada!” Se tais pensamentos atravessaram a mente de Paulo, não encontraram lugar para pousar. O apóstolo não se considerava um perdedor fracassado, mas um vencedor. No texto acima, ele afirmou que perdeu tudo, mas em compensação ganhou a vida. Você lamenta e se queixa? Ou a perspectiva que você tem da vida é igual a de Paulo? 

Que o Espírito de Deus abençoe o seu coração, 

Pr. Natanael Gonçalves