daviejonatas

PROBLEMA: As Escrituras registram o intenso amor que Davi e Jônatas tinham um pelo outro. Há quem tenha dito que isso é uma indicação de que eles eram homossexuais. Isso é deduzido a partir do fato de que está escrito que “Jônatas o amava” (18:3); que Jônatas se despia na frente de Davi (18:4); também que eles “beijaram-se um ao outro” com grande emoção (20:41). Os que alegam isso dizem ainda que as tendências homossexuais de Davi podem ser inferidas pelo fato de ele não ter muito sucesso em seus relacionamentos com mulheres. A conclusão tirada desses textos é válida?

SOLUÇÃO: Não há indicação alguma nas Escrituras de que Davi e Jônatas tenham sido homossexuais. Pelo contrário, há uma forte evidência de que não eram. Antes de mais nada, a atração de Davi por Bate-Seba (2 Sm 11) revela que sua orientação sexual era heterossexual, não homossexual. Com efeito, a julgar pelo número de mulheres que Davi teve, ele parecia ser heterossexual até demais. Depois, o “amor” de Davi por Jônatas não era o amor sexual (erótico), mas sim o amor da amizade (o amor “phileo”). É comum nas culturas orientais homens heterossexuais expressarem amor e afeição um para com o outro. Ainda, Jônatas não se despiu completamente na presença de Davi. O texto diz que ele apenas tirou a armadura e a capa que vestia (1 Sm 18:4) para dá-las a Davi, como um símbolo de seu profundo respeito e compromisso com ele. Podemos acrescentar também que o “beijo” era uma forma usual de os homens se cumprimentarem naqueles dias. E ainda, o fato de eles se cumprimentarem beijando-se um ao outro (1 Sm 20:41) é descrito dois capítulos e meio depois daquele que relata que Jônatas deu a capa e a armadura a Davi. Finalmente, a emoção que expressaram foi o choro, e não o orgasmo. O texto diz: “beijaram-se um ao outro e choraram juntos, Davi, porém, muito mais” (1 Sm 20:41).