Por que foi proibido cozer o filhote no leite de sua própria mãe? 

PROBLEMA: Este versículo ordena: “Não cozerás o cabrito no leite da sua própria mãe” (Êx 23:19). O que isso significa, e por que esta ordem foi dada aos israelitas?

SOLUÇÃO: Aqui há duas perguntas distintas, que precisam ser separadas. Primeiro: o que esta passagem quer dizer? Segundo: por que Deus se opôs a que eles assim procedessem? A resposta à primeira pergunta é fácil. Cada palavra da sentença está bem clara. Os israelitas sabiam exatamente o que fazer. Eles não deveriam nunca cozinhar um filhote de cabrito no leite de sua mãe. Assim, não havia absolutamente problema algum relacionado ao que Deus não queria que eles fizessem. O problema real é o porquê da questão: por que Deus proibiu isso? Os comentaristas dão várias possíveis razões: 1. Porque seria uma prática idolatra. 2. Porque seria uma prática do ocultismo, feita para tentar fazer com que a terra se tornasse mais produtiva. 3. Porque seria cruel destruir um filhote de cabrito no próprio leite que o sustentava. 4. Porque leite e carne juntos não têm uma fácil digestão. 5. Porque demonstraria desprezo para com o relacionamento mãe e filho. 6. Porque simbolicamente profanaria a Festa da Colheita. 7. Porque Deus queria que cozinhassem com óleo de oliva, e não com manteiga. 8. Porque seria uma luxúria, um ato de epicurismo. A verdade é que não sabemos ao certo por que Deus deu essa ordem. Mas isso realmente não tem importância, já que os israelitas sabiam exatamente o que eles não deveriam fazer, mesmo não entendendo bem o porquê. Assim, embora haja dificuldade em se entender o propósito da passagem, não é difícil entender o seu significado. Ela significa exatamente o que diz.