É verdade que alguém mais, além de Moisés, escreveu estes versículos?

PROBLEMA: As referências a Moisés e Arão nos versículos 26 e 27 estão escritas na terceira pessoa: “São estes Arão e Moisés” e “São estes os que falaram…” Se Moisés foi o autor desta passagem, por que ele não falou de si mesmo usando a primeira pessoa?

SOLUÇÃO: Esta passagem, que começa no versículo 14 do capítulo 6, é um relato objetivo e histórico das genealogias dos ancestrais de Moisés e Arão. Nesse tipo de redação, o costume é o autor, quando faz referência a si mesmo, usar a terceira pessoa. Muitos escritos antigos seguem essa maneira de relatar fatos históricos, tais como Gallic Wars (Guerras Gaulesas) e Civil Wars (Guerras Civis), de Júlio César. Com efeito, ficaria algo estranho se, no meio deste registro histórico, Moisés tivesse escrito: “Foi a Arão e a mim que o Senhor disse…”; ou: “Arão e eu fomos falar com Faraó…” Para as futuras gerações dos leitores hebreus, Moisés queria que o seu registro genealógico ficasse bem claro, de forma que ninguém se equivocasse quanto à identidade e origem daquele que Deus escolhera para libertar Israel da escravidão do Egito.