Paidaeternidade

PROBLEMA: A tradicional doutrina da Trindade sustenta que Deus é uma só essência em três Pessoas – o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Entretanto, Isaías 9:6 chama o Messias de “Pai da Eternidade”. Como Jesus pode ser tanto o Pai como o Filho?

SOLUÇÃO: Este versículo não é uma fórmula trinitariana que chama Jesus Cristo de Pai. A primeira parte do versículo 6 faz referência à encarnação de Jesus. A parte que relaciona os nomes pelos quais ele é chamado expressa o relacionamento dele com o seu povo. Ele é para nós o Maravilhoso Conselheiro, o Deus Forte, o Pai da Eternidade, o Príncipe da Paz. Com este enfoque, vemos que Jesus é aquele que nos dá a vida eterna. Por meio de sua morte, sepultamento e ressurreição, ele trouxe à luz vida e imortalidade. Verdadeiramente ele é o Pai da eternidade para o seu povo. O nome “Pai da Eternidade” quer dizer que, tal como o pai amoroso tudo provisiona a seus filhos, assim também Jesus nos ama e nos provisionou, dando-nos vida eterna.