PROBLEMA: Levítico 17:11 afirma que Deus estabeleceu sacrifícios de sangue “para fazer expiação” pelas nossas almas. Mas Hebreus parece contradizer isso, afirmando que o sacerdote da linhagem de Arão “se apresenta dia após dia a exercer o serviço sagrado e a oferecer muitas vezes os mesmos sacrifícios, que nunca jamais podem remover pecados”(Hb 10:11).

SOLUÇÃO: Os sacrifícios no AT não tinham o propósito de remover o pecado, mas de apenas cobri-lo até a vinda de Cristo, o qual, este sim, pôde remover o pecado. Cada sacrifício de sangue antes de Cristo apontava para ele. O cordeiro pascal era um tipo que prenunciava o cumprimento em “Cristo, nosso Cordeiro pascal, [que]foi imolado” (1 Co 5:7). Os sacrifícios do AT apenas proporcionaram uma cobertura temporária dos pecados, até que Cristo propiciasse a solução definitiva ao problema do pecado. Cada oferenda do AT tinha como que uma “nota de débito”, que permaneceu aguardando até que fosse pago pelo “Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!” (Jo 1:29).