caminho-luz-escuro

Viva Seguro em um Mundo Incerto – Parte II

 

Continuando o nosso estudo sobre a carta de 1ª Pedro, destacamos na postagem de hoje os versículos de 3 a 5. Que o Espírito de Deus ministre ao seu coração.

Feitos filhos de Deus (v.3) 

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos”.  

Esperança é uma palavra chave neste versículo. Aquele que está em perigo se sente inseguro e intranquilo. Necessita urgentemente de esperança. A esperança, como se usa na Bíblia, não é algo que pode acontecer ou não. Antes, é uma convicção entranhada de alguma coisa concreta que Deus tem prometido e, portanto, possui respaldo e transmite segurança. Posto que o Senhor afirma isso, cada cristão pode sentir-se maravilhosamente otimista com respeito ao futuro. Se o presente não oferece segurança e nem otimismo, então necessitamos esperar dias melhores que virão. O cristão tem um maravilhoso porvir! Em seguida veremos porque.  

Pedro louva a Deus no versículo 3 porque Ele fez um milagre especial. Nos fez nascer de novo quando confiamos em Jesus como nosso único Salvador. Esta misericórdia é ampla e suficiente para cobrir qualquer necessidade do homem ou da mulher por mais pecadores que sejam. Pedro fala da morte e ressurreição de Cristo como o único meio da salvação e, pela qual, nos deu nova vida. Éramos escravos do pecado, mas graças ao sacrifício e ressurreição do nosso Redentor, alcançamos uma nova existência.  

Feitos herdeiros (v.4) 

Para uma herança incorruptível, incontaminável e que se não pode murchar, guardada nos céus para vós”.  

Nascer na família do Pai Celestial tem consequências positivas e tremendas. Entre elas se encontra a de que “nós fomos feitos herdeiros de Deus”. Qual é a herança do crente? Vejamos algumas:  

  • Seremos como Ele é: 1 João 3.2: Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifesto o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos.  
  • Participaremos da sua glória: Romanos 8.30: E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.  
  • Receberemos vida eterna e o Reino de Deus: 1 Coríntios 15.50: E, agora, digo isto, irmãos: que carne e sangue não podem herdar o Reino de Deus, nem a corrupção herda a incorrupção.  
  • Nossos corpos ressuscitarão: Filipenses 3.21: que transformará o nosso corpo abatido, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas.  
  • Por último, Paulo disse que “tudo é vosso: 1 Corintios 3.21-23: Portanto, ninguém se glorie nos homens; porque tudo é vosso: seja Paulo, seja Apolo, seja Cefas, seja o mundo, seja a vida, seja a morte, seja o presente, seja o futuro, tudo é vosso, e vós, de Cristo, e Cristo, de Deus.  

Esta herança não pode ser destruída, ela é incorruptível, não possui defeito porque é incontaminada, não se consome nem se gasta com o tempo, pois ela é imperecível.  

Preservados pelo poder de Deus (v.5) 

Que, mediante a fé, estais guardados na virtude de Deus, para a salvação já prestes para se revelar no último tempo 

O versículo anterior destaca a permanência da herança que Deus nos tem reservado, e neste, Pedro afirma que o poder divino nos protege para que cheguemos a gozar da herança prometida. O crente está rodeado, como se fora por uma companhia de soldados. O poder do Criador põe um cerco ao redor de seus filhos com o fim de preservá-los de qualquer poder externo que trate de destruir sua relação com o Senhor. No entendimento de Paulo, o futuro do cristão e sua herança, estão seguros, pois ele afirma que temos sido glorificados (Romanos 8:30). O que falta na atual situação, é a revelação pública de nossa glória, a qual será manifestada.  

Um homem de Deus exclamou: “Quem pode queixar-se dos problemas durante a viagem, se o caminho é em direção à sua casa?” Viajar ou morar em país estrangeiro tem seus perigos, ameaças e pode até, produzir nervosismo, mas o cristão está seguro no poder do Pai Celestial. Não tem nada que temer nem duvidar porque o Altíssimo o tem escolhido e separado. 

À nossa espera há uma herança gloriosa que receberemos quando chegarmos à nossa pátria celestial. TENHA UMA GRANDE ESPERANÇA E OTIMISMO!  

Para refletir: Que experiência ou problema difícil faz com que você se sinta inseguro (a)? É possível que você se concentre mais no problema do que em Deus? Qual é a bênção futura que lhe proporciona mais confiança e alegria? O que você pode fazer agora para agradecer ao Rei do Universo esta segurança?

Em Cristo, a única esperança para o homem,

Pr. Natanael Gonçalves